O que é H1N1 e como prevenir as crianças

Publicado por em 15/06/2016 às 19h33

São nos meses mais frio do ano que as mães ficam mais aflitas com doenças contagiosas, já que estas são mais comuns neste período. E não é para menos: a H1N1, por exemplo, é um tipo de gripe devastador, que tem acometido pessoas de todas as idades em diferentes regiões brasileiras, inclusive crianças. Confira um pouco mais sobre o que é a H1N1, quais os seus sintomas e como prevenir para que a doença não chegue em sua casa ou até os seus filhos. 


O que é H1N1 e como prevenir as criançasO que é a H1N1?
 

 

A gripe H1N1, ou influenza A, é provocada pelo vírus H1N1, um subtipo do influenza vírus do tipo A. É como se fosse uma mistura genética do vírus humano da gripe, do vírus da gripe aviária e do vírus da gripe suína. Leva de 3 a 5 dias para incubar e se manifestar, considerada uma doença altamente contagiosa e muito severa, pode-se pegar H1N1 ao entrar em contato com pessoas contaminadas, objetos compartilhados com estas pessoas, no contato com animais e em outras situações em que há acesso à saliva ou secreções respiratórias.


Os sintomas são parecidos com os de uma gripe comum, podendo apresentar um pouco mais de força: febre alta, acima de 38º, 39º, de início repentino, dor muscular, de cabeça, de garganta e nas articulações, irritação nos olhos, tosse, etc. 

Como se prevenir e cuidar das crianças? 

O Ministério da Saúde já definiu que as crianças até cinco anos fazem parte do grupo no qual o risco de infecção grave é maior, assim como gestantes e mulheres que acabam de ter filhos. Mas além da vacina, há formas de se prevenir da doença. Conheça algumas boas práticas: 

1- Vacinar as crianças e vacinar-se com a gripe H1N1 

A vacina está disponível na rede pública e privada de saúde e está disponível em todo o Brasil. No caso das doses ofertadas pelo SUS, é preciso conferir o calendário disponível em sua cidade. Caso prefira adquirir particularmente, a vacina varia de preço conforme a região – de R$ 40,00 a R$ 120,00 aproximadamente. 

2- Lavar sempre as mãos com água e sabão 

A higienização adequada das mãos, com água e sabão, é essencial em todos os casos e épocas do ano. Isso pode não apenas prevenir a H1N1 como diversas outras doenças. Ensine seus filhos a lavar bem as mãos e faça a assepsia dos brinquedos e objetos. No caso dos bebês, mantenha as suas mãos sempre limpinhas.  

3- Utilize álcool e lenços descartáveis 

O álcool em gel é um recurso bastante em conta, ideal para ter na bolsa e no banheiro de casa. É perfeito para as situações rotineiras em que não há acesso à água e sabão. Utilize lenços descartáveis na hora de limpar o nariz e lenços umedecidos para limpar objetos. 

4- Fuja de espaços muitos tumultuados 

Quanto mais gente junta em um mesmo local, como os espaços públicos, maior a incidência de pegar a doença. Evite grandes aglomerações, ainda mais se você tiver crianças pequenas ou se não foram vacinados. 

5- Procure um médico 

Em caso de suspeita de H1N1, procure com calma um médico para realizar os exames. Não tome medicação por conta, pois pode piorar o caso. E não se desespere: é mais fácil ser uma simples gripe, mas por via das dúvidas, é melhor verificar com um especialista. 

 

Tags: Gripes, H1N1, Resfriados, Saúde do Bebê, Saúde Infantil

Enviar comentário

voltar para Saúde

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||