Suplemento de ômega 3 na gravidez

Publicado por em 25/05/2018 às 11h00

Saiba qual é a maneira certa de administrar os suplementos de ômega 3 durante a gravidez e quais são os benefícios que ele oferece nesse período

Muito se ouve falar dos benefícios do ômega 3, esse nutriente que não é produzido por nosso organismo, mas faz um bem danado para a saúde, inclusive das grávidas. O ômega 3 está presente em alguns alimentos, principalmente nos peixes, mas, podemos complementar ainda mais essa quantidade necessária de ômega 3 para garantir a boa saúde com suplementos durante a gestação. Preparamos algumas dicas para você, caso queira fazer uso desse suplemento, enquanto se prepara para a chegada do seu bebê. Confira:

Suplemento de ômega 3 na gravidez

Só o que for prescrito pelo médico:
Qualquer medicamento ou suplemento tomado durante a gravidez, deve ser sempre prescrito pelo médico da futura mamãe. Esse não é nenhum exagero, mas é que um simples antigripal já pode provocar sintomas ruins e até mesmo prejudicar o bebê. No caso do ômega 3, esse costuma ser um suplemento liberado para as gestantes, mas, claro, sempre existem exceções, como no caso das mamães que possuem algumas alergias ligadas a ele. Sabia que a alergia a peixes e aos frutos do mar já pode ser um grande obstáculo para você não consumir o ômega 3? Por isso, é sempre bom conversar com o seu médico antes. Ele não só vai autorizar, ou não, a grávida a tomar o suplemento, como também vai administrar as doses certas de acordo com a necessidade de cada mulher.

Exija qualidade:
Nada de comprar o complemento de ômega 3 só porque ele é mais barato, antes de tudo é preciso se certificar de que o produto tem mesmo qualidade e vai oferecer o que promete, lembre-se que você está em uma gestação e nesse período todo cuidado é pouco. Só compre o suplemento depois que ele for indicado ao médico e, se possível, peça a ele para mostrar as marcas mais confiáveis para você. E não se esqueça de reparar no rótulo em dois elementos: o composto deve estar isento de mercúrio e com doses adequadas de DHA.

Opção para as vegetarianas:
As futuras mamães que são vegetarianas costumam buscar bastante por opções saudáveis na dieta, que sejam suficientemente adequadas para substituir os nutrientes necessários nessa fase, que estão em produtos de origem animal, o ômega 3 é um deles. Esse composto está presente, principalmente, nos peixes e frutos do mar e os seus suplementos são, inclusive, muitas vezes derivados dos peixes. Então, como fazer nesses casos? Uma opção é buscar pelos suplementos de ômega 3 que sejam derivados da linhaça ou de algas. Eles também estão no mercado, podem ter alguns níveis alterados em relação ao de peixe, mas não deixam de oferecer o ômega 3 ao organismo. A mesma dica vale para as mamães que não são vegetarianas, mas não acham agradável o gosto de peixe que pode ter neste suplemento.

Benefícios dos suplementos de ômega 3 para as grávidas
Agora que você já conhece a maneira correta de tomar o suplemento de ômega 3 na dieta, vale a pena saber quais são os benefícios, que ele é capaz de trazer, e são muitos. Dizem inclusive que consumir o ômega 3 (seja em alimentos ou suplementos) diariamente na gravidez pode até mesmo contribuir para que o bebê seja mais inteligente!

Mas não é só isso, o ômega 3 também pode reduzir os riscos de parto prematuro, de pré-eclâmpsia e um dos mais conhecidos que é diminuir as chances da temida depressão pós-parto. Algumas pesquisas ainda apontam que o ômega 3 ajuda no sistema nervoso do seu bebê e colabora para as funções cognitivas e visuais dele.

 

Tags: Alimentação Na Gravidez, Ômega 3, Saúde

voltar para Saúde e Bem Estar

left tsN center fsN bsd c15n show fwB b10s|left fwR tsN b10s bsd|left show fwR normalcase tsN bsd b10s|bnull||image-wrap|news login uppercase fwB|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase c05 fwR|tsN fwR normalcase|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||