Cólica do Bebê

Publicado por em 16/02/2013 às 13h24

A famosa cólica do bebê pode acontecer em qualquer idade. Mas nos primeiros 2 à 3 meses são muito comuns.

Cólica do BebêO que é a cólica afinal?

A cólica é um espasmo muscular que pode ser ocasionado por diversos fatores.  A fermentação do leite (ou de outros alimentos) provocando gases que pressionam as paredes intestinais, está é a mais comum das causas. Dói muito, muitíssimo. Por isso o bebê berra tanto.

Como você sabe que o choro do bebê é de cólica?

Porque o choro do bebê, nesse caso, tem um som mais estridente. É insistente... e não pára. Nada o faz parar. Você oferece o peito, e ele não quer. Dá colo, nina, canta pra ele, e ele não pára de chorar. Às vezes se contorce e encolhe as perninhas. Realmente, é desesperador. Nesta hora, você daria tudo pra ele não estar sentindo está dor lancinante. Você trocaria de lugar com ele feliz, se pudesse.

De fato, convenhamos. Se para nós já é difícil ter dor, imagine para um serzinho que acabou de nascer e que só conhecia o "bem bom" da barriga da mãe? O bebê fica inseguro, ele não sabe que raio de dor é esta!

O que fazer neste caso, para aliviar a cólica?

Bom tem várias coisas...

Primeiro, não deixe o neném chorando sozinho, desamparado. Mesmo que sejam 3 horas da manhã e você esteja exausta, completamente exaurida. Papai, cabe a você ajudar. Dê uma força. Você não pode dar o seio, mas pode dar muita coisa... então, neste momento, dê o seu braço forte e seu coração quente de pai.

Pegue-o no colo em sentido vertical. Ou seja, coloque o bebê em pé no seu colo, com a barriguinha virada para você e apoie os pezinhos dele na palma de sua mão de tal forma que as perninhas fiquem encolhidas, com os joelhinhos dobrados sobre o ventre. Geralmente, quando o bebê está com cólica, ele não gosta de ficar com a barriga para cima.

Providencie um saquinho de água quente. Enrole o saco em uma fralda, de maneira que não fique muito quente a ponto de queimar ou incomodar mais ainda o bebê. Coloque-o entre a barriguinha do neném e você. O calor vai ajudar na liberação dos gases que provocam a cólica, aliviando o intestino.

Se o neném suportar bem, você pode fazer um pouco de "massagem" e de movimentos de "bicicleta" com as perninhas do bebê, para ajudar a passar a dor.

Experimente fazer assim: Com o neném no colo (ou sobre a cama, caso ele não esteja chorando muito) você faz uma massagem na barriguinha dele (mais para o baixo ventre) com a ponta dos seus dedos pressionando levemente, muito suavemente (pois se não pode doer mais ainda). Esta pressão ajuda também na liberação dos gases. É capaz até de você sentir nos seus dedos uma espécie de "ronronamento", que será justamente a concentração de gases ou o cocô.

Depois, esfregue bem as suas mãos provocando calor e massageie a barriguinha dele com a palma da mão. Você pode fazê-lo em dois sentidos: de cima para baixo e no sentido horário (do seu ponto de vista) que é o sentido do caminho intestinal. Esta massagem aquece e alivia a dor.

A "bicicleta" consiste no seguinte: com o neném deitado de barriga para cima, pegue nos pezinhos dele e faça o movimento de pedalar, dobrando suas perninhas sobre o ventre, alternadamente. Depois de fazer umas 10 a 15 vezes, dobre as duas perninhas juntas sobre o ventre e pressione um pouco, só um pouquinho, levemente. Repita a operação. Este exercício também ajuda a liberar os gases, aliviando a cólica.

Caso a dor persista muito, você talvez possa lançar mão de algum medicamento leve. Mas isso só muiiiito raramente, pois todo remédio tem sempre um efeito colateral, por mais leve que seja. Experimente homeopatia. Existem medicamentos homeopáticos muito eficazes e inócuos. Neste caso sempre com a orientação do pediatra. 

E lembre-se, prevenir é melhor do que remediar. Cólicas acontecem em função da alimentação. Leite industrializado dá cólica, com certeza. Leite materno pode não dar, e se der, é muito menos pior!

Por que o leite materno pode dar cólica?

Por causa da alimentação da mãe, ora! Tudo o que a mãe ingere em excesso vai para o leite. Por isso é que digo, atenção com o que você come no primeiro trimestre da lactação! Faça um sacrifício para não ter que sofrer com seu bebê berrando de dor de madrugada! Use sempre o seu bom senso e não coma ou beba nada que provoque gases em você mesma. Fuja de gordura, especialmente gordura animal.

E boa sorte!

Evitar o uso de medicações antiespasmódicas, chás com açúcar pois pioram ao invés de melhorar o quadro, usar e abusar de massagens abdominais, compressas quentes ou bolsas de água quente no abdome, e principalmente, manter-se calma e segura em relação ao seu bebê.

Tags: Cólica, Saúde do Bebê

Enviar comentário

voltar para Saúde

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||