Depressão Pós-Parto Masculina

Publicado por em 22/04/2015 às 21h59

Assim como acontece com a mãe, o nascimento de um filho pode gerar insegurança no pai, uma pesquisa das Universidades de Oxford e Bristol constatou que oito semanas após o parto cerca de 3,6% dos 8.340 pais estudados aparentavam sofrer de depressão.

Outro estudo publicado no jornal especializado Lancet, mostrou que bebês cujos pais ficaram deprimidos tinham duas vezes mais problemas emocionais e de comportamento na pré-escola.

Depressão pós-parto masculina

Depressão pós-parto masculinaDiferente da depressão pós-parto que acontece com a mulher, nos pais ela pode se manifestar mais tarde e é mais comum que ocorra no nascimento do primeiro filho.

Um bebê traz novas responsabilidades e depois do entusiasmo inicial do parto e da sensação de ser pai, vêm às noites mal dormidas, as mudanças no estilo de vida, o cuidado da mãe com seu bebê que provoca no homem um sentimento de abandono (mesmo consciente de que não é este o caso), tudo isso pode ser pavoroso e um risco para desenvolver a depressão pós-parto.

Diante da depressão pós-parto masculina, muitas mudanças acontecem no comportamento, um deles é ausentar-se de casa (como uma fuga da situação), sair mais cedo e chegar mais tarde, a academia esquecida passa ser importante, as reuniões de trabalho até mais tarde acontecem com mais frequência, e em alguns casos o homem tenta afastar a mãe do bebê numa tentativa de recuperar a atenção perdida.

Alguns sintomas podem ser notados como as mudanças de humor, irritabilidade, ansiedade e sensação de falta de esperança. O sentimento de tristeza e abatimento é difícil de ser escondido, a angústia trazida por dor no peito, pensamentos constantes de que não vai dar conta da responsabilidade que cresceu, insônia frequente causada pelos pensamentos persistentes. O pai sente como se não conseguisse amar seu filho da maneira como deseja, o que lhe causa culpa.

A depressão pós-parto masculina é uma doença que tem cura, o mais importante é que o homem reconheça que esta doente e procure ajuda através da medicina, um tratamento bem feito pode resgatar sua autoconfiança e a não se sentir sobrecarregado pela responsabilidade aumentada, assim poderá encontrar- se de forma inteira com seu filho.

 

Tags: Depressão Pós-Parto, Paternidade, Pós-Parto

Enviar comentário

voltar para Pós-Parto

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||