TDAH - o que é, como descobrir o transtorno e ajudar seu filho

Publicado por em 09/11/2016 às 20h59

TDAH - o que é, como descobrir o transtorno e ajudar seu filho

TDAH nada mais é do que a sigla para o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Esse transtorno é caracterizado pela distração, agitação, impulsividade, hiperatividade, esquecimento, entre muitas outras coisas.

Essas características podem ser apresentadas tanto por crianças quanto por adultos em algumas situações específicas, o que é completamente normal. Entretanto, quando essas ocorrências são intensas, pode significar o TDAH.

Se este for o caso, ou se houver algum tipo de dúvida a respeito do problema, o ideal é procurar um profissional responsável para obter um diagnóstico preciso, podendo dar início ao tratamento.

Mas afinal, como descobrir e diagnosticar o TDAH

A primeira coisa é a observação da família em relação ao comportamento da criança. Assim, se as pessoas do convívio perceberem que algum tipo de comportamento não corresponde ao esperado, o ideal é procurar acompanhamento médico.

Quanto ao diagnóstico do TDAH, é preciso contar com profissionais experientes pois ele precisa ser feito com muito cuidado. Isso porque é preciso de um diagnóstico preciso para a realização de um tratamento eficaz.

Esse ponto é muito importante no diagnóstico do TDAH pois existem diversos outros tipos de transtornos com sintomas similares, resultando em um diagnóstico impreciso ou errado.

Isso acontece porque os principais sintomas do transtorno são bem comuns, por isso é preciso ir além da interpretação de uma simples lista de sintomas, até que seja possível chegar a uma análise profunda e extensa.

Mas afinal, quais os sintomas do TDAH

A primeira coisa que deve ser notada em relação ao TDAH, que é um sintoma imprescindível é uma desatenção e hiperatividade/impulsividade persistente que cause uma interferência no desenvolvimento da criança. Sendo assim, é preciso apresentar sintomas referentes a esses dois aspectos.

Veja alguns sintomas de desatenção:

  • Não prestar atenção a detalhes e cometer erros apenas por descuido nas atividades escolares ou durante outras atividades
  • Dificuldade de manter a atenção fixa em tarefas ou atividades mais lúdicas
  • Não se dar conta quando alguém lhe dirige a palavra
  • Não conseguir seguir instruções ou terminar tarefas de casa ou domésticas
  • Dificuldade de organização de atividades e tarefas
  • Relutância de envolvimento em atividades que exijam um esforço mental mais prolongado
  • Perda de objetos necessários para a realização de atividades
  • Se distrair facilmente com estímulos externos
  • Esquecer relações e atividades cotidianas

Veja alguns sintomas de hiperatividade e impulsividade:

  • Ficar se mexendo, balançando, batucando com as mãos e pés
  • Levantar-se da cadeira na sala de aula em situações em que se espera que a criança permaneça sentada
  • Subir nas coisas e correr em situações inapropriadas
  • Não conseguir brincar ou interagir em atividades de lazer de forma calma
  • Sentir desconforto em ficar parado por muito tempo como em confraternizações, reunião, restaurantes e etc.
  • Falar exageradamente
  • Dificuldade de esperar a vez de falar respondendo às perguntas antes mesmo que sejam concluídas, interrompendo as frases dos outros
  • Dificuldade de esperar a vez para qualquer atividade
  • Interromper atividades e conversas tentando assumir o controle das coisas que os outros estão fazendo, principalmente sem pedir

Assim sendo, para que haja um diagnóstico de TDAH, é preciso que a criança apresente pelo menos seis desses sintomas listados. O fato é que diversos sintomas podem ser facilmente observados e a família e a escola devem estar sempre atentas a eles.

Além disso, só a presença desses sintomas não é fator decisivo para o diagnóstico. Para isso é preciso avaliar também se essas características influenciam o desenvolvimento da criança e reduzem sua qualidade de vida.

Por isso, nada melhor para o diagnóstico do TDAH do que contar com uma boa equipe de profissionais, formada por pediatras e neurologistas especializados, a fim de obter um diagnóstico e tratamento mais precisos.

Tags: Desenvolvimento, Educação e Comportamento, TDAH

Enviar comentário

voltar para Educação e Comportamento

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||