Pais, treinadores de emoções

Publicado por em 29/06/2018 às 23h49

Pais, treinadores de emoçõesAtualmente, quase que a totalidade dos pais, enfrentam o mesmo problema – como lidar com meu filho quando os ânimos esquentam?

Como você, a maioria, deseja ser justo com o filho, tratá-lo com respeito e paciência. Você sabe que o mundo apresenta muitos desafios para seu filho, e você quer participar da vida dele, orientando-o e apoiando-o.

Você quer ensinar seu filho a enfrentar problemas e criar amizades fortes e saudáveis. Mas há uma grande diferença entre querer tratar bem e ajudar seu filho e efetivamente ter os meios para consegui-lo.

Para educar bem um filho, o intelecto só não basta. Para se educar bem um filho, é preciso mexer com a emoção.

Para você, mexer com a emoção, significa perceber os sentimentos do seu filho e ser capaz de compreendê-lo, tranquilizá-lo e guiá-lo.

Para o seu filho, que aprende com você como funciona a emoção, envolve a capacidade de controlar seus impulsos, motivar-se, interpretar as insinuações da sociedade e lidar com os altos e baixos da vida.

Importante é que a formação emocional do seu filho, se dá não apenas através das coisas que você diz e faz diretamente, mas principalmente pelo modelo que oferece para lidar com os próprios sentimentos. Na minha prática clinica tenho tido a oportunidade de conhecer pais que são excelente professores emocionais, mas confesso que outros precisam retornar a educação infantil!

A família é a primeira escola de aprendizado emocional dos filhos, pois é com a família que aprendem como sentir em relação a eles mesmos e como os outros reagirão aos seus sentimentos, como pensar sobre eles e que escolhas devem reagir, como interpretar e expressar esperanças e medos. 

Mas quais são as atitudes parentais que fazem a diferença? Definitivamente, atitude dos pais que se envolvem com o sentimento dos filhos.

Neste informe estou chamando estes pais de preparadores emocionais (como os preparadores físicos!).

Os pais preparadores emocionais, ensinam aos seus filhos estratégias de como lidar com os altos e baixos da vida. Não se opõem às manifestações de raiva, tristeza ou medo dos seus filhos. Nem as ignoram. Ao contrário, aceitam as emoções negativas como coisas que fazem parte da vida e aproveitam momentos de exaltação emocional para ensiná-los importantes lições de vida e efetivamente a construírem relacionamentos mais íntimos.

E o que muda para os filhos dos pais preparadores emocionais?

Filhos que tem preparo emocional são fisicamente mais saudáveis, apresentam melhor desempenho acadêmico, se dão melhor com amigos, tem menos sentimentos negativos e mais positivos, menos problemas de comportamento, são menos propensos à violência, mas principalmente, são mais maleáveis.

Filho maleável não significa, que ele deixa de ficar triste, irritado ou assustado em circunstâncias difíceis, mas sim, que tem mais capacidade de se acalmar, sair da angustia e procurar atividades produtivas.

Um ponto importante é que as pesquisas indicam, que os filhos que observam os pais constantemente brigando, apresentam baixo rendimento escolar, mais dificuldades em fazer amigos e comportamentos agressivos.

Observe que ser um preparador da emoção não significa o fim das regras e da disciplina. Na verdade, quando há intimidade entre você e seu filho, seu envolvimento na vida dele é maior e, consequentemente sua influência sobre ele é mais forte.

Quando você vê seu filho errando ou sendo relapso, você o adverte. Não tem medo de colocar limites. Quando se decepciona com ele, quando sabe que ele pode fazer melhor, você não tem medo de lhe dizer isso. Existe um elo emocional construído entre você e seu filho, portanto o que você diz é referência para ele.

Essa conquista exige boa dose de dedicação e paciência. Do mesmo modo que você ajuda e treina seu filho para determinado esporte ou atividade, deve fazer o mesmo, se quer ver seu filho lidar com os sentimentos e as tensões e, desenvolver relacionamentos sadios. Respeite suas emoções e ofereça orientação e modelo positivo sempre.

O melhor preparador para o seu filho é você, então tente compreender seu próprio estilo de lidar com suas emoções e o modo como seu estilo afeta seu filho.

Prepare-se! É melhor você vestir o boné de preparador e ajudá-lo a ganhar o jogo. Este lugar é seu!

Proporcione Momentos Felizes em família sempre!

 


claudiavitale@gmail.com
/psicologaclaudiavitale
21 3563-8246
  Shopping Champagnat
Rua Haroldo Cavalcante, 420 - sala 12
Recreio dos Bandeirantes - Rio de Janeiro - RJ

 

 

 

Tags: Criança, Educação e Comportamento

voltar para Educação e Comportamento

left tsN center fsN bsd c15n show fwB b10s|left fwR tsN b10s bsd|left show fwR normalcase tsN bsd b10s|bnull||image-wrap|news login uppercase fwB|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase c05 fwR|tsN fwR normalcase|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||