Como escolher o transporte escolar das crianças

Publicado por em 07/10/2014 às 20h20

Como escolher o transporte escolar das crianças

O ano letivo ainda não terminou, mas em breve teremos que fazer a rematrícula e começar o pensar na volta às aulas das crianças. É um dilema para os pais, como eu, que não conseguem levar e buscar os filhos à escola e, é nessa hora que o transporte escolar se torna uma preocupação.

Quando o assunto é segurança dos nossos filhos não podemos deixar passar um quesito e, não se sinta incomodado em fazer perguntas, querer conhecer melhor a pessoa que prestará o serviço, pegar referências da escola e de outros pais e, principalmente, analisar se as documentações do transporte e do motorista estão de acordo com a lei.

Confira algumas dicas para que você escolha com segurança o transporte escolar das crianças:

1 - O que observar na hora de contratar o serviço?
Antes de assinar o contrato, busque informação na escola para certificar se o transporte é recomendado por ela e consulte com o DETRAN da sua cidade se o carro está habilitado e autorizado a prestar o serviço de transporte de crianças. Também vale conversar com os pais dos amiguinhos do seu filho.

2 - Conheça o motorista

Reserve um tempinho do seu dia para marcar uma conversa entre você, seu filho, o motorista e o assistente. Apesar de ser um bate-papo rápido, analise se existe empatia entre eles.  Também confira o número do registro do condutor, ele precisa ser habilitado na categoria D. Outro ponto importante é verificar se o motorista possui o curso específico para transporte de crianças. É opcional, mas se ele realizou, é um diferencial a mais.

3 - Contrato de prestação de serviço
No documento deverá conter informações sobre o valor, data de vencimento, rescisão e as condições para o período de férias e possíveis faltas do aluno e o reajuste.

4 - Condições do transporte

Observe a lotação e informe-se para saber quantas crianças serão transportadas; verifique se existem cintos de segurança para todos e, se o seu filho ainda é bebê, solicite uma cadeirinha que é exigida por lei; analise também as condições dos bancos, vidros e pneus.

5 - Rotina
Acerte tudo com o motorista como o horário de entrada e saída da escola e, quem são as pessoas responsáveis a pegar o seu filho no portão da sua casa ou prédio quando você não estiver em casa. Explique ao motorista o melhor percurso e o melhor local para embarcar e desembarcar próximo a sua residência.

Análise diária
Converse sempre com o seu filho, pergunte como é o relacionamento com o motorista e o assistente. Observe qualquer alteração no comportamento das crianças.
Sem exageros, de vez em quando vá à saída da escola para conferir se o motorista para longe da entrada, se há superlotação e se eles ajudam na travessia, caso o transporte fique estacionado do outro lado da rua.

 

Autora deste artigo: Fabiana Gonçalves
Jornalista por formação, leitora assídua por hobby, antenada por opção e mãe por amor.

Tags: Educação e Comportamento, Segurança, Transporte Escolar

Enviar comentário

voltar para Educação e Comportamento

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||