Dicas para tirar o bebê da cama dos pais

Publicado por em 29/10/2014 às 09h28

Dicas para tirar o bebê da cama dos pais

Imagem: Banco Photl

Cama Compartilhada! Como tirar as crianças da cama dos pais?

Você sente falta de conseguir dormir com a esposa ou o marido, sem a presença do pequeno ou da pequena no meio da cama? Realmente chega um momento que é difícil conseguir conciliar essa divisão e, retornar a rotina com as crianças não é uma tarefa fácil.

Quando a criança vai para a cama dos pais ela se sente amada e protegida, mas como já faz parte do seu instinto, logo percebe que pode usar diversos argumentos para permanecer nesse ninho tão aconchegante. Como dificilmente conseguimos recusar no primeiro pedido, todas as noites ela estará no seu cantinho preferido na cama dos pais.

O ideal é evitar que isso aconteça, pois retornar com o hábito da criança dormir no seu quarto ou cama, é mais complicado. A partir dos seis meses já é possível deixar o bebê dormindo sozinho no seu quartinho. O que você não deve é deixar a comodidade prevalecer, pois será necessário  levantar durante a madrugada para as trocas e eventuais mamadas noturnas.

Se seu filho for maior, explique a importância de cada um ter o seu espaço e privacidade. Mesmo que ele adormeça na sua cama, leve-o para o quarto dele, é importante que ele acorde lá.

Sabemos bem que é cansativo depois de um dia intenso de trabalho, acordar diversas vezes para colocar o filho para dormir novamente. Mas resista, tenha paciência, pois o resultado é gratificante. Quando acordar, tranquilize-o, sem acender a luz e evite conversas e brincadeiras. Vale contar uma historinha ou cantar uma canção de ninar.

É necessário haver regras, por exemplo, não adianta pedir para a criança ir dormir às 21h30 e colocá-la no quarto, se a sua casa continua com a rotina agitada. Uma boa conversa, paciência, carinho e alguns truques podem ajudar o costume da sua casa retornar ao normal. Veja!

Dicas para tirar o bebê da cama dos pais- Toda criança adora ter itens dos seus personagens preferidos. Por isso, coloque algo novo no quarto para que o seu filho sinta bem e tenha interesse em ficar no ambiente.

- Evite usar o quarto ou a cama como o cantinho do castigo. Assim a criança achará o local chato para ficar.

- Compre roupas de cama novas e deixe-o participar da escolha.

- Fique com ele no quarto até adormecer.

- Proponha uma decoração especial nas paredes. Adesivos iluminados que brilham no escuro, são ótimas opções.

- Crie um momento relaxante antes da hora de dormir, como por exemplo, um banho e contação de histórias.

- Se o irmãozinho também dorme no mesmo quarto, coloque-os para adormecer no mesmo horário e divida a atenção, afinal um não ficará no quarto para dormir, se o outro estiver na sala assistindo televisão.

- Até as crianças se adaptarem a rotina, divida a tarefa com o seu marido ou esposa. Assim, não se sentirá sobrecarregado e resistirá a tentação de seguir pelo caminho mais fácil no momento, ou seja, ceder as manhas.

Uma noite de sono tranquila faz bem para toda a família. Coloque em prática!

Autora deste artigo: Fabiana Gonçalves
Jornalista por formação, leitora assídua por hobby, antenada por opção e mãe por amor.

Tags: Cama Compartilhada, Desenvolvimento, Educação e Comportamento

Enviar comentário

voltar para Educação e Comportamento

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||