Fim da licença - Retome a carreira sem culpa.

Publicado por em 08/05/2013 às 11h50

Fim da licença maternidade e agora começa a dúvida de onde deixar o bebê. Depois de alguns meses grudada no seu pequeno, chega a hora de retornar ao trabalho e junto a este momento vem o sentimento de culpa e a difícil decisão de com quem deixar seu filho.

Nos primeiros meses de vida os pais devem estabelecer vínculos afetivos que passem segurança ao bebê, a mãe deve fazer contato visual, sorrir para ele, amamentar em ambiente tranquilo, desta forma o bebê estará desenvolvendo a segurança necessária para o momento da separação.

Fim da Licença maternidade - retome a carreira sem culpa

Com a tão esperada chegada do bebê, o que não vai faltar é tia, avó, amiga querendo ajudar nos cuidados com o pequeno e quando acabar a licença maternidade certamente terá os que se propõem a ficar com o bebê.

Acabou a licença maternidade, como retomar a carreira sem culpa?

Embora algumas mães acreditem ser mais seguro deixar seu filho com alguém da família, outras acreditam que uma babá particular conhecida e de confiança dará mais liberdade à mãe para ensinar, exigir e advertir. O que é mais difícil quando se deixa com parentes.

Outra opção são os berçários, onde mãe e filho passam por um processo de adaptação de aproximadamente quinze dias, este é um processo muito importante, a mãe fica com o bebê na sala até que esteja segura para deixa-lo com os cuidadores. Observe os berçários e procure por aquele que tenha um ambiente acolhedor, com uma educadora para cada três ou quatro crianças e se possível próximo ao trabalho para que possibilite visitas para amamentação.

Desde o inicio a mãe deve explicar que vai sair e garantir sua volta, o bebê irá sentir sua ausência, mas logo se distrairá e fará disto uma rotina diária, e para compensar o tempo longe do seu bebê demonstre que estava com saudade, brincando e estando por perto no tempo que dispõe, lembre-se, ele é a prioridade no momento, os afazeres domésticos e outras atividades terão que se adaptar a rotina do bebê.

Todas as mães em algum momento passam pelo dilema de voltar ou não ao trabalho, em algumas mulheres o instinto materno fala mais alto e elas desistem de retornar após a licença, em outras a realização profissional tornam a adaptação mais fácil, isto não quer dizer que não seja uma separação dolorosa.  Não sinta culpa, afinal esta é uma decisão que já acontece há muito tempo na vida de todas as mães.

O coração aperta por não poder estar presente como antes e por não acompanhar o desenvolvimento diário, mas por outro lado a mulher também quer se sentir valorizada profissionalmente e sabe que seu trabalho aumenta o orçamento familiar, o que é muito importante, pois traz uma série de benefícios a criança.

Aproveite esse final de licença maternidade, já que esta mais segura com os cuidados do seu bebê para aumentar ainda mais os momentos de intimidade, é claro que no retorno ao trabalho o bebê sentira saudades, mas o contato afetivo e a dedicação exclusiva garantirão a ele mais segurança.

 

Tags: Carreira, Gravidez

Enviar comentário

voltar para Carreira

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||