Dicas para preparar os seios para a amamentação

Publicado por em 07/11/2017 às 13h43

A hora de amamentar causa muitas vezes inúmeras dúvidas e inseguranças, principalmente para as mães de primeira viagem.

A amamentação é importantíssima para o bebê, por isso muitos pediatras recomendam que essa seja a única fonte de alimentação dele até os seis meses de idade. O leite materno tem tudo o que o bebê precisa: nutrientes, água e até mesmo anticorpos. Além disso, a amamentação fortalece o vínculo entre a mamãe e o bebê.

Com tanta importância, é essencial que você faça o possível para amamentar. Infelizmente existem vários fatores que podem dificultar o processo ou torná-lo doloroso para a mãe e trabalhoso demais para o bebê. Por isso separamos algumas dicas para preparar os seios para amamentação evitar problemas indesejados.

6 Dicas para preparar os seios para a amamentação;

6 Dicas para preparar os seios para a amamentação;

 

 

Dica 1: Banhos de sol

Isso mesmo! Deixar os mamilos tomarem sol ajuda na amamentação. A luz e o calor tornam a área mais resistente, evitando rachaduras e ferimentos.

Mas é claro, não exagere. Tome no máximo 30 minutos de sol por dia, sempre antes das 10 h ou depois das 16 h, para evitar os horários em que a luz solar é mais agressiva.

Sempre mantenha-se hidratada e cuidado para não sobreaquecer o corpo. Proteja a cabeça e o rosto.

Caso você não tenha um lugar onde pode tomar sol, ou o clima não esteja colaborando com os seus planos, pode expor os mamilos a uma lâmpada quente. O ideal é usar as potências entre 40W e 60W. Deixe a lâmpada a uma distância em que você possa sentir o calor sem desconforto.

Dica 2: O formato dos mamilos não precisa ser um problema.

O fato de você ter mamilos invertidos ou planos não necessariamente impede a amamentação. Além de produtos que ajudam a corrigir o problema, como a concha de amamentação, também existem exercícios que você pode fazer para ajudar.

As conchas de amamentação rígidas são uma ótima opção. Basta colocá-las e o problema vai diminuindo. Mas cuidado, não use mais do que 3 horas diárias, e sempre peça explicações ao seu obstetra.

É possível iniciar a correção com a concha rígida a partir do oitavo mês de gestação.

Se você não sabe se seus mamilos são invertidos ou planos, é fácil descobrir. Basta comprimir suavemente a aréola, cerca de três centímetros atrás do mamilo. Se os mamilos forem invertidos, eles retrairão para dentro do seio.

Dica 3: Hidrate da forma certa.

A hidratação é muito importante para ajudar a prevenir rachaduras. Mas cuidado: usar os cremes hidratantes tradicionais pode surtir o efeito inverso, já que costumam a deixar a pele mais fina.

Quando a pele dos seus mamilos fica fina demais, é mais provável que aconteçam rachaduras ou ferimentos durante a amamentação. Fique longe também dos produtos esfoliantes.

O ideal é usar apenas pomadas com lanolina e nenhum outro ingrediente. Esse tipo de pomada é mais eficaz e apresenta menos efeitos colaterais.

Dica 4: Não use sutiãs apertados

No pós-parto, os seus seios vão aumentar até dois manequins. Será inevitável comprar sutiãs novos, mesmo porque o seu número normal estará extremamente desconfortável.

Invista nas peças de algodão e sem bojos ou aros. As alças largas são as melhores opções, para garantir mais suporte. Usar o sutiã correto impede que o leite empedre, e o tecido natural evita alergias nessa área que já estará muito mais sensível que o normal.

Existem também opções com aberturas nos mamilos para facilitar a amamentação.

Dica 5: Cuidados na higienização

Manter uma higienização adequada é muito importante para evitar as rachaduras. Pode ser contra-intuitivo, mas não passe sabonete nos mamilos durante o banho. As substâncias podem irritar a pele e agravar a situação. A água quente também é sua inimiga, pois costuma a tirar a oleosidade natural da pele.

Para higienizar o mamilo antes e depois da amamentação, nada melhor do que o próprio leite. Isso mesmo! O leite materno é um bactericida poderoso, e também contém imunoglobulina A, que ajuda a combater inflamações. 

Dica 6: Massagens no seio antes de o bebê nascer

É fácil fazer as massagens e elas ajudam na produção do leite. Podem ser feitas até duas vezes por dia.

Basta segurar o seio com as duas mãos, uma de cada lado e fazer pressão da base até o mamilo. Repita o movimento cinco vezes, e depois faça o mesmo com uma mão acima e outra abaixo do seio.

Pronto! Com essas dicas, você estará pronta para esse momento tão especial com o seu bebê. Sempre consulte seu obstetra em caso de dúvidas. Se preparar é essencial para garantir que tudo correrá com tranquilidade. Pesquisas mostram que mães que se informam previamente encontram muito menos problemas ao amamentar.

Fazendo tudo da maneira correta, essa experiência tem tudo para ser um momento inesquecível entre mamãe e bebê!

 

Tags: Alimentação Infantil, Amamentação, Gravidez

Enviar comentário

voltar para Amamentação

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||