Obesidade Infantil - O que é? E como evitar?

Publicado por em 27/08/2013 às 20h27

A obesidade infantil pode causar problemas à saúde como diabetes, problemas cardíacos e a má formação do esqueleto.

É isso mesmo mamãe, estamos falando do excesso de peso, mais conhecido como "obesidade" que hoje além de ser um problema estético e de saúde, também é motivo de “piadas” por parte dos amiguinhos o que causa muito incomodo em algumas crianças.

Obesidade InfantilDevemos prestar muito atenção, pois a obesidade infantil ao contrário do que muitas pessoas pensam não esta relacionada à quantidade de alimentos ingeridos e sim a alimentos de alto valor calórico que podem ser ingeridos em pequenas quantidades.

Outros fatores como inclinação genética, distúrbios psicológicos, estilo de vida sedentário, problemas na convivência familiar, também contribuem já que as crianças ganham peso com mais facilidade. Cerca de 15% das crianças e 8% dos adolescentes sofrem de problemas de obesidade, e oito em cada dez adolescentes continuam obesos na fase adulta.

Hoje com os avanços da tecnologia (tablets, televisão, computador, vídeo games...) e com a violência urbana as crianças ficam dentro de casa com atividades que não estimulam fazer atividades físicas, passando horas em frente à TV ou brinquedos eletrônicos e muitas vezes com um pacote de biscoito e refrigerantes, isto é muito preocupante para a obesidade infantil.

Pesquisas mostram que quando um dos pais é obeso, as chances de ter um filho gordinho são de 50%, mas quando os dois pais estão acima do peso o risco aumenta para 100%.

Alguns cuidados podem ajudar a prevenir a obesidade infantil, como:

  • Seguir uma alimentação balanceada, rica em frutas, verduras e legumes.
  • Evitar alimentos gordurosos, doces, frituras e refrigerantes.
  • Praticar atividades físicas seja esporte no colégio ou academia, desde que seja orientado por um profissional. Caminhar é a melhor pedida, pois qualquer pessoa pode.
  • Beba pelo menos 2 litros por dia. A água é importantíssima no bom desempenho das funções do organismo. Principalmente para quem pratica atividades físicas, pois mantém o corpo sempre hidratado.
  • Respeitar os horários das refeições e não beliscar guloseimas entre um intervalo e outro.

Fique alerta! A obesidade é um problema grave e deve ser visto com muito cuidado.

 

Drª Flávia Adriane Borges Rezende 
CRN3 - 15847 
Nutricionista – Especialista em Fitoterapia

Tags: Alimentação Infantil, Obesidade

Enviar comentário

voltar para Alimentação

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||