Por que não oferecer suco ao bebê antes de um ano

Publicado por em 28/02/2016 às 22h54

“Quando eu posso dar suco para meu bebê?”

“Quando eu posso dar suco para meu bebê?”

Até os seis meses, o bebê não precisa de mais nada, a não ser o leite materno. Já, após essa idade, papinhas e algumas frutas começam a fazer parte do cardápio da criança. Oferecer suco nesta idade não é proibido, mas é preciso ter bom senso! 

De acordo com a Academia Americana de Nutrição Pediátrica, não há nenhuma indicação nutricional para oferecer suco para crianças menores de 6 meses. E, oferecê-lo antes de introduzir os alimentos sólidos na dieta do bebê, pode fazer com que o suco seja substituído pelo leite materno. O bebê passa a rejeitar o leite materno e a preferir o gostinho do açúcar.  

O ideal é que, após um ano de idade, o bebê já pode tomar suco, desde que seja natural, que fique bem conservado e, de preferência, sem açúcar. Se não for natural, não ofereça. Mas por quê? 

Hoje em dia, pela praticidade dos produtos industrializados e também pela correria do dia-a-dia, a mãe acaba comprando sucos artificiais, pasteurizados e é aí que está o problema. Já pensou nisso?

Os sucos artificiais contêm muito açúcar e sódio e, se consumidos em grande quantidade, podem fazer muito mal à saúde. Há quem diga que os sucos naturais também não sejam uma boa opção, porque contêm o açúcar natural da fruta, a frutose, e que assim a criança acaba se “acostumando” a ingerir boas doses de açúcar.

"Você sabia que 15 minutos depois de ser preparado, um suco de laranja já perdeu 70% da vitamina C"? 

Sim! Essa vitamina é altamente oxidável e o contato com o ar destrói os benefícios desse suco em poucos minutos. Por isso, se quiser dar suco de laranja ao bebê, se ele já tiver 1 ano de idade, esse suco precisa ser oferecido quando você acaba de fazê-lo. Se sobrar um pouco e você quiser armazená-lo por algumas horas, precisa ser em um recipiente com tampa, que não seja transparente, que é para não oxidar. Se oxidar, não faz sentido algum oferecer esse suco à criança, pois já terá perdido toda a vitamina.

Muitos tipos de suco são carregados de açúcar, e você não quer que seu filho fique viciado em bebidas açucaradas, nesta fase inicial, não é mesmo? Mas, se você decidir dar suco ao bebê, é melhor esperar até que ele complete pelo menos 1 ano e beba em um copo de treinamento ou transição. Colocar suco em uma mamadeira pode causar cárie, principalmente quando oferecida a noite.

Uma exceção: Alguns pediatras podem recomendar certos tipos de suco, como ameixa ou de pera, para ajudar os bebês com prisão de ventre, mas sempre verifique com seu médico antes de fazer isso!

Por que oferecer suco apenas após o horário das refeições?

Para que o seu bebê não se acostume a beber suco o dia todo e para evitar que atrapalhe a alimentação dele, o ideal é oferecer o suco somente após as refeições principais,e ainda assim, em uma quantidade limitada, caso contrário, o suco pode deixá-lo sem vontade de comer, sentindo-se “cheio”.  

Uma criança entre 1 e 6 anos precisa ter a quantidade de suco limitada de 120 a 180ml por dia e para as crianças entre 7 e 18 anos de 200 a 350ml por dia. É preciso estar atenta, pois a ingestão excessiva de suco para bebês pode contribuir para o desmame precoce, principalmente quando oferecido na mamadeira. 

A recomendação dos pediatras é que o suco deve ser introduzido como qualquer outro alimento novo. Por exemplo, maçã raspadinha e suco de maçã devem ser introduzidos separadamente.

Os perigos potenciais de muito suco

Beber muito suco pode levar à desnutrição ou anemia, se não for oferecido no momento certo e desmedidamente. A criança não pode beber suco o dia todo, principalmente antes das refeições. Se isso acontece, a tendência é que ela não se alimente bem e com isso vá perdendo outros nutrientes necessários, incluindo proteínas e carboidratos complexos. Sem contar que o excesso de suco também pode provocar diarreia. 

 

Quando, então, oferecer o suco ao bebê?

  1. Ofereça suco para o seu filho quando já estiver completado 1 ano de idade.
  2. Limite a quantidade e ofereça após as refeições principais (almoço e janta).
  3. Dê o suco em um copinho de treinamento ou transição, evite mamadeiras.
  4. Não adoce o suco, a fruta já tem açucar.

Dica: Prefira oferecer as frutas ao seu filho, tenha em mente que as frutas quando transformadas em sucos perdem fibras e nutrientes que são essenciais ao seu pequeno nesta fase de introdução alimentar. Quando o bebê chupa uma laranja ele esta ingerindo mais fibras e vitaminas e menos açucar do que quando toma um suco de laranja.

Tags: 0 a 1 Ano, Alimentação Infantil, Bebê, Criança

Enviar comentário

voltar para Alimentação

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||