Café durante a gravidez

Publicado por em 04/04/2014 às 19h54

Posso tomar café durante a gravidez?

Café na gravidezHummm café! Quem não gosta de um cafezinho pela manhã ou após as refeições, hein? Na verdade é difícil encontrar alguém que não consuma cafeína já que a encontramos não só no café, mas também em chocolates, refrigerantes à base de cola, guaraná, chá preto e até em alguns medicamentos como os analgésicos.

Com a gravidez muitas dúvidas acabam surgindo e uma delas é se a gestante pode ou não tomar café durante a gravidez, de acordo com a nutricionista Drª Flávia Adriane Borges “o consumo de café na gravidez de uma forma moderada em torno de 150 ml ao dia não traz complicações, porem se a gestante consumir café em excesso, pode sim, fazer mal ao bebê porque a cafeína faz com que os vasos sanguíneos se contraiam e se a gestante consumir em excesso a substância pode prejudicar a circulação útero-fetal o que pode causar um aborto ou parto prematuro, por isso essa quantidade de 150 ml distribuída ao longo do dia, não terá problema.”.

A cafeína quando consumida em quantidades elevadas pode ser causa de abortamento, aumenta as chances de o bebê nascer antes do tempo e interfere no desenvolvimento fetal. Além disto, quando consumida em grande quantidade pode atravessar facilmente a barreira placentária e influenciar no crescimento e desenvolvimento das células fetais, comprometer o suplemento fetal de oxigênio e alterar as instruções de replicação celular, podendo fazer com que o bebê nasça com anormalidades.

Mas fique calma, isto se aplica para quem tem o hábito de tomar muito café ou ingerir muita cafeína no seu dia a dia. De acordo com alguns estudos, o recomendável é um limite de até 200mg de cafeína por dia, que seriam equivalente a mais ou menos duas xícaras de café.

Pesquisadores americanos do American College of Obstetricians and Gynecologists descobriram que uma quantidade moderada de café por dia não aumenta as chances de aborto ou de parto prematuro. O College's Committee on Obstetric Practice disse que 200 mg de cafeína diários - aproximadamente a quantidade de um copo de 350 ml de café - não contribuem significativamente para complicações na gravidez.

O grupo considerou dois estudos recentes, cada um deles acompanhou mais de 1.000 mulheres grávidas. O primeiro, conduzido pelo Dr. David Savitz, do The Mount Sinai Medical Center, em Nova York, não encontrou aumento da taxa de aborto para as mulheres que consumiram baixo, moderado ou alto nível de cafeína em diferentes épocas da gravidez. No outro, o Dr. De-Kun Li e seus colegas na divisão de Kaiser Permanente's Division of Research, em Oakland, encontraram maior risco de aborto em mulheres que consumiam mais de 200 mg de cafeína por dia, mas nenhum outro risco em quem ingeriu menos que isso. 

 

Efeitos da cafeína na gravidez

  1. CAFÉ CafeínaPor ser um estimulante a cafeína acelera o metabolismo e aumenta a frequência cardíaca, claro que o aumento da frequência cardíaca após uma xicara de café não é a mesma depois de uma corrida, mas esse estimulo constante pode não ser saudável para o bebê.
  2. A cafeína tem efeito diurético, o que significa idas a mais no banheiro já que seu útero esta aumentado de tamanho e comprimindo sua bexiga.
  3. Para quem esta acostumada com aquele inevitável cafezinho após o almoço e jantar saiba que o café possui substâncias conhecidas como ‘antinutricionais’, que podem interferir de forma negativa na absorção de nutrientes importantes para a gestante.
  4. Tomar muito café pode causar insônia e a falta dele para quem esta acostumada a tomar muito café pode causar fortes dores de cabeça.

O que fazer para diminuir a cafeína no dia a dia?

  • Bem provável que os sintomas do inicio da gravidez já ajudem, muitas mulheres sentem enjoos só de sentir o cheiro, mas se não for o seu caso tente:
  • Fazer um café mais fraco (com menos pó) ou usar o café solúvel que tem menos cafeína.
  • Substitua o chá preto pelo de ervas ou tente deixar o saquinho de chá preto menos tempo na água quente.
  • Tente trocar o refrigerante com cafeína por água com gás.
  • Se esta acostumada a tomar muito café tente ir diminuindo aos poucos, fazer a retirada total de uma vez pode causar dor de cabeça, fraqueza e até tontura.

Sabemos que tudo em excesso pode ser prejudicial à saúde, o ideal é conversar com seu obstetra e saber qual a opinião dele sobre o consumo da cafeína.

Vanessa Motta Reis

Tags: Alimentação Na Gravidez, Café, Gravidez

Enviar comentário

voltar para Alimentação

left tsN center fsN fwR bsd b01 c15n show|left fwR tsN b01s bdt|left show fwR normalcase tsN bdt b01s|bnull||image-wrap|news login uppercase b01 c05 sbse fwB bdt|fsN fwR b01 bsd normalcase c05|b01 c05 bsd|news login uppercase fwB c05 b01 bdt|tsN fwR normalcase c15nesw b02 bdt|fwR uppercase b01 bsd|content-inner||